Sinônimos

O mundo fascinante dos sinônimos

Tudo começou quando estava fora, para aquele minicurso. Uma das atividades propostas para a sala consistia em escrever um texto e, ao dar uma espiada no notebook do vizinho, em busca de inspiração, conheci uma ferramenta impressionante: o dicionário de sinônimos. Usando o OpenOffice (ou BrOffice), um editor de texto gratuito, o aluno ao lado clicava com o botão direito do mouse em cima de uma palavra e surgiam vários sinônimos. Depois de uma tal entrevista do Chico Buarque, os dicionários de sinônimos se tornaram objetos de luxo até nos sebos. As editoras perceberam, lançaram às pressas suas versões da ferramenta, em edições bem limitadas. Como utilizo o recurso desde antes da tal dica do Chico, não precisei pagar uma fortuna para ficar na moda. Tenho três dicionários, de autores diferentes. Um deles, o do Agenor Costa, atingiu preços inacreditáveis nas lojas de usados. Descobri recentemente uma versão online do dicionário do BrOffice: DicSin. Não é tão bom quanto um Agenor, mas dá para o gasto. A vantagem, é claro, está na rapidez da pesquisa – muito melhor deixar um software fazer o trabalho pesado do que ficar folheando um calhamaço embolorado. O fato é que para um escritor, um dicionário de sinônimos pode trazer novas possibilidades.